Núcleo de Estudos de Ecografia

O Núcleo de Estudos de Ecografia (NEEco) da Sociedade Portuguesa de Medicina Interna (SPMI), pretende dedicar-se ao estudo da Ecografia à Cabeceira do Doente no Serviço de Urgência, Unidades de Cuidados Intermédios, Unidades de Cuidados Intensivos e Serviços de Internamento dos doentes observados pelos internistas, sendo constituído por associados da mesma inscritos neste núcleo de estudos.

Secretariado: biénio 2019-2020

Biénio 2019 – 2020
Coordenador do Núcleo: José António Briote Mariz – Hospital de Braga
Coordenador Adjunto: Miguel Romano – Hospital de Viana do Castelo (ULSAM – Viana do Castelo)
Secretariado:
Jorge Teixeira – Hospital de Braga
António Pedro Gonçalves – Centro Hospitalar Universitário do Porto -Hospital de Santo António
Tiago Veiga – Centro Hospitalar Universitário de São João
Rafael Silva – Hospital Geral de Coimbra (Covões) – Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra (CHUC)
Miguel Romano – Hospital de Viana do Castelo (ULSAM – Viana do Castelo)
Miguel Alves – Centro Hospitalar do Nordeste – Unidade Hospitalar de Bragança
Jorge Mendes – Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra (CHUC)

Contactos: neeco@spmi.pt

História

O Núcleo de Estudos de Ecografia (NEEco) da Sociedade Portuguesa de Medicina Interna (SPMI), pretende dedicar-se ao estudo da Ecografia à Cabeceira do Doente (EcoCD; o equivalente em português  ao acrónimo internacional POCUS – Point-of-Care Ultrasonography) no Serviço de Urgência, Unidades de Cuidados Intermédios, Unidades de Cuidados Intensivos e Serviços de Internamento dos doentes observados pelos internistas, sendo constituído por associados da mesma inscritos neste núcleo de estudos.

A EcoCD tem vindo a ganhar cada vez mais aceitação como o quinto pilar do exame físico sendo progressivamente visto pela comunidade médica como um complemento fundamental na abordagem ao doente agudo e/ou subagudo, permitindo melhorar a capacidade e tempo de decisão ao mesmo tempo que aumenta assertividade terapêutica em muitas situações. Hoje em dia a evidência clínica mostra o claro benefício da EcoCD, ao demonstrarem uma taxa de complicações inferior associada ao aumento do sucesso da primeira tentativa em vários procedimentos que fazem parte do quotidiano do internista. São alguns exemplos de procedimentos ecoguiados a toracocentese, paracentese, punção lombar e colocação de acessos venosos centrais. Para além do seu papel no auxílio na realização de técnicas invasivas, a EcoCD encontra-se validada na abordagem do doente em choque, permitindo ao internista tomar decisões imediatas sobre a volémia do doente e a necessidade ou não de ressuscitação com fluídos. Esta avaliação poderá ser repetida ao longo do tempo permitindo ao internista avaliar em tempo real a resposta do doente às medidas instituídas e reavaliar decisões.

Parece assim claro o benefício que a EcoCD terá pratica clínica diária. Pelo que, tendo em conta o papel congregador do internista que muitas vezes tem de assumir o papel de gestão e liderança de equipas multidisciplinares, aparece como a especialidade certa para liderar um processo de introdução de uma nova técnica que deverá ser pautado pela maior exigência científica.

Pensamos, portanto, que a criação deste núcleo reforçará o prestígio e desenvolvimento da Medicina Interna em Portugal.

A Medicina Interna Portuguesa conta com a tua colaboração!

Objetivos

  • O NEEco tem como principal missão colaborar com a direção da SPMI no fornecimento de suporte científico na prática de EcoCD pelos internistas.
  • Promover o desenvolvimento de um sistema sólido de formação nesta área.
  • Promover cursos certificados nesta área com intuito de melhorar competências.
  • Cooperar com o núcleo de estudos de Formação em Medicina Interna (NEFMI) no lançamento de novos cursos.
  • Promover a investigação científica nesta área.
  • Promover angariação de fundos para concretização destes objetivos

Plano de Ação

  • Divulgar e promover a EcoCD na prática da Medicina Interna
  • Avaliar a necessidade de formação em EcoCD dos internistas e internos de Medicina Interna de acordo com a política de formação aprovada pela direção da SPMI
  • Elaborar protocolos de utilização de EcoCD no âmbito da atuação da Medicina Interna
  • Criar um registo de projetos de investigação científica nesta área
  • Atualizar e dinamizar o site da NEEcoCD no website da SPMI
  • Promover a realização de cursos sobre EcoCD
  • Representar a SPMI em vários fóruns de opinião e discussão sobre Ecografia

Regulamento

Inscrição

Inscrição no Núcleo



















NOTA INFORMATIVA:

A inscrição no Núcleo destina-se exclusivamente a sócios da SPMI

Declaração de aceitação

Declaro que as informações e os dados por mim prestados no presente formulário são completos, precisos e verdadeiros, comprometendo-me a informar a SPMI – Sociedade Portuguesa de Medicina Interna caso ocorra alguma alteração aos mesmos.

Autorização para o tratamento de dados pessoais

Autorizo o tratamento dos meus dados pessoais acima identificados, pela SPMI nos termos da lei (em particular, a Lei n.º 67/98, de 26 de Outubro - Lei de Proteção de Dados Pessoais), no âmbito das suas atividades, tendo em vista as finalidades de gestão dos programas de formação e atividades relacionadas com a SPMI. Nos termos da lei, fui informado(a) que me é garantido, enquanto titular dos dados pessoais tratados, o direito de acesso, retificação e eliminação dos meus dados pessoais tratados no âmbito da presente base de dados. Para o efeito, caso pretenda aceder, retificar ou eliminar os meus dados pessoais, deverei contatar website@spmi.pt

Consulte os eventos do Núcleo de Estudos de Ecografia:

Eventos Futuros

Curso de Ecografia à Cabeceira do Doente para Internistas
Data:
28 de Junho e 13 de Julho

Eventos Passados

Publicações de Interesse

Mariz, J., Silva, R., Romano, M., Gaspar, A., Gonçalves, A.P., Silva, J.P., Carvalho-Filho, M.A. , Santos, T., &Teixeira,  J (2018). Ecografia à Cabeceira do Doente na Medicina Interna: Uma Mudança de Paradigma na Avaliação do Doente Agudo. ‎Rev Port Med Int 2018: 25 (4): 309-319. doi: 10.24950/rspmi/revisao/151/4/2018

Publicações de Sócios:

Silva, R., Gonçalves, D., Cabral, J., Gomes, B., Teixeira, J., & Mariz, J. (2018). Triple POCUS: A New Approach to an Old Problem. European Journal of Case Reports in Internal Medicine, 5(9). doi: 10.12890/2018_000938

Investigação / Registos:  Programos realizar o primeiro levantamento das capacidades e necessidades em Point-of-Care Ultrasonography na Medicina Interna Portuguesa, através de um inquérito lançado aos Internistas e Internos em Formação em Medicina Interna Portugueses

Registos:
Recomendações Clínicas:
Iremos elaborar as primeiras recomendações sobre Point-of-Care Ultrasonography na Medicina Interna

Conheça o NEEco: