Resumos Não Aceites
Para alterar a ordem de visualização, clique no link respectivo.
   > Ordenar pelo TITULO do Resumo
   > Ordenar por Resumo ID
(DES)GLICÉMIA (HIPO)VALORIZADA
Resumo ID, 428
,,INCIDENTALOMA AURICULAR ESQUEDO
Resumo ID, 182
1% DOS 10%
Resumo ID, 1184
A CULPA É DAS PLAQUETAS
Resumo ID, 1047
A DISFAGIA EM IMAGENS
Resumo ID, 234
A EVOLUÇÃO DA CAVERNA
Resumo ID, 1970
A GRANDE SIMULADORA
Resumo ID, 164
A GRAVIDADE DE UMA PROSTATITE
Resumo ID, 2172
A IMPORTÂNCIA DA SUSPEITA CLINICA
Resumo ID, 906
A IMPORTÂNCIA DO EXAME OBJECTIVO: A PROPÓSITO DE UM CASO CLÍNICO
Resumo ID, 2260
A IMPORTÂNCIA DO SIMPLES
Resumo ID, 2527
A NEOPLASIA DO ESÓFAGO DESCOBERTA ACIDENTALMENTE
Resumo ID, 2253
À PROCURA DA PATOLOGIA
Resumo ID, 2026
A PROPÓSITO DE UM SÍNDROME FEBRIL INDETERMINADO.
Resumo ID, 1153
A PROPÓSITO DE UMA MARCHA COM DESEQUILÍBRIO...
Resumo ID, 1080
A RELAÇÃO ENTRE ESCLEROSE TUBEROSA E EPILEPSIA É EXPECTÁVEL?
Resumo ID, 2452
ABCESSO DA COXA
Resumo ID, 2057
ABCESSO PULMONAR E EMPIEMA COMO COMPLICAÇÃO DE TROMBOEMBOLISMO PULMONAR – A PROPÓSITO DE UM CASO CLÍNICO
Resumo ID, 1475
ABCESSO RENAL CORTICAL EM DOENTE IMUNOCOMPETENTE
Resumo ID, 1631
ABCESSOS PULMONARES - A EXPERIÊNCIA DE 3 ANOS DE UM SERVIÇO DE MEDICINA INTERNA
Resumo ID, 825
ABORDAGEM DOS FATORES DE RISCO CARDIOVASCULAR NO DOENTE JOVEM – A PROPÓSITO DE UM CASO CLÍNICO
Resumo ID, 1824
ACALASIA A PROPÓSITO DE UMA CASO CLINICO
Resumo ID, 2249
ACHADO INOCENTE OU POTENCIALMENTE CARDIOEMBÓLICO?
Resumo ID, 2205
ACIDENTE ISQUÉMICO TRANSITÓRIO OU UM DIAGNÓSTICO TARDIO DE ARTERITE TEMPORAL?
Resumo ID, 219
ACIDENTE VASCULAR CEREBRAL (AVC) ÚNICO, OU 2 EM 1?
Resumo ID, 843
ACTINOMICOSE PULMONAR POR DISFAGIA CRÓNICA NO IDOSO
Resumo ID, 1474
ADENOCARCINMA DE PULMÃO EM DOENTE COM 46 ANOS
Resumo ID, 207
ADENOCARCINOMA GASTROINTESTINAL METASTIZADO EM DOENTE COM ASCITE DE NOVO: A PROPÓSITO DE UM CASO CLÍNICO
Resumo ID, 1312
ADENOMATOSE HEPÁTICA EXUBERANTE
Resumo ID, 341
ADENOPATIAS MÚLTIPLAS – UM DESAFIO DE DIAGNÓSTICO
Resumo ID, 1507
AFINAL ERAM METASTASES
Resumo ID, 1223
ALARGAMENTO DO MEDIASTINO COMO APRESENTAÇÃO INICIAL DE LINFOMA DE HODGKIN
Resumo ID, 934
ALGALIAÇÃO NO SERVIÇO DE MEDICINA INTERNA - INDICADOR DE QUALIDADE
Resumo ID, 51
ANÁLISE DAS INFECÇÕES POR CLOSTRIDIUM DIFFICILE NUM CENTRO HOSPITALAR PORTUGUÊS
Resumo ID, 581
ANEMIA HEMOLÍTICA AUTO-IMUNE
Resumo ID, 2515
ANEMIA HEMOLÍTICA, A MANIFESTAÇÃO ESQUECIDA DO DÉFICE DE VITAMINA B 12
Resumo ID, 945
ANEMIA PERNICIOSA -RELATO DE UM CASO
Resumo ID, 1930
ANEMIA PERNICIOSA E VITILIGO – ASSOCIAÇÃO POUCO FREQUENTE
Resumo ID, 265
ANEMIA PERNICIOSA – CASO CLÍNICO
Resumo ID, 2047
ANTICOAGULAÇÃO ORAL E OBESIDADE MÓRBIDA: A PROPÓSITO DE UM CASO CLÍNICO
Resumo ID, 500
APRESENTAÇÃO DE UM CASO RARO DE SINDROME DE RAMSAY HUNT
Resumo ID, 1533
ARMADILHAS DE UM CORAÇÃO PARTIDO…
Resumo ID, 411
ARTERITE DE CÉLULAS GIGANTES REFRACTÁRIA À CORTICOTERAPIA: EFICÁCIA TERAPÊUTICA DO METOTREXATO
Resumo ID, 637
ARTERITE DE CÉLULAS GIGANTES: UMA APRESENTAÇÃO INVULGAR
Resumo ID, 632
ARTRITE GOTOSA CRÓNICA – IMAGEM EM MEDICINA
Resumo ID, 180
ARTRITE REATIVA COMO CAUSA DA FEBRE PROLONGADA INEXPLICADA
Resumo ID, 1438
ARTROPATIA GOTOSA CRÓNICA, UM DOENTE DE LIVRO
Resumo ID, 1437
AS FACES DA MEDICINA INTERNA: DO DERRAME PLEURAL AO DIAGNÓSTICO DE PNEUMOPERITONEU
Resumo ID, 907
AS HORMONAS E A ETIOPATOGENIA DO AVC - QUE PAPEL PARA OS DISRUPTORES ENDÓCRINOS?
Resumo ID, 489
AS TRÊS FACES DO STREPTOCOCCUS PNEUMONIAE
Resumo ID, 1090
AS ´NOVAS´ ENDOCARDITES DO CORAÇÃO DIREITO
Resumo ID, 996
AVALIAÇÃO DE FACTORES DE RISCO ASSOCIADOS A DIARREIA INFECCIOSA POR CLOSTRIDIUM DIFFICILE – CASUÍSTICA DE UM HOSPITAL DISTRITAL
Resumo ID, 1784
AVC E ENDOCARDITE POR STAPHYLOCOCCUS AUREUS
Resumo ID, 2014
AVC HEMORRAGICO E A HIPERTENSÃO ARTERIAL
Resumo ID, 946
BEXIGA INSÓLITA
Resumo ID, 747
BLOQUEIO ATRIOVENTRICULAR NUM JOVEM – E NADA MAIS?
Resumo ID, 619
BRADICARDIA NO IDOSO
Resumo ID, 2233
BRONCOGRAFIA ACIDENTAL
Resumo ID, 211
BRONQUIECTASIAS COM IMPACTAÇÃO MUCÓIDE
Resumo ID, 2124
CANDIDÍASE ORAL EM DOENTE DIABÉTICA
Resumo ID, 1971
CANSAÇO NO IDOSO- UM CASO CLÍNICO
Resumo ID, 558
CARACTERIZAÇÃO DA POPULAÇÃO COM MAIS DE 90 ANOS NUM
Resumo ID, 1492
CARCINOMA PAPILAR DA TIRÓIDE DIAGNOSTICADO EM NÓDULO AUTÓNOMO TIROIDEU – CASO CLÍNICO
Resumo ID, 1781
CARCINOMATOSE MENÍNGEA
Resumo ID, 1441
CARCINOMATOSEPERITONEAL OU TUBERCULOSE PERITONEAL?
Resumo ID, 521
CARDIOTOXICIDADE ASSOCIADA À TERAPÊUTICA ONCOLÓGICA: SUNITINIB
Resumo ID, 1831
CASO CLÍNICO - TOXOPLASMOSE CEREBRAL
Resumo ID, 1486
CAUSAS MAIS COMUNS DE HOSPITALIZAÇÃO EM ADULTOS JOVENS (< 65 ANOS) NUM SERVIÇO DE MEDICINA INTERNA
Resumo ID, 1541
CAVITACAO NO MEDIASTINO?
Resumo ID, 1043
CEFALÉIA REVELADORA
Resumo ID, 938
CELULITES E ERISIPELAS NO INTERNAMENTO DE MEDICINA INTERNA – CASUÍSTICA DE UM ANO
Resumo ID, 516
CETOACIDOSE DIABÉTICA: TERÁ O FATOR PRECIPITANTE INFLUÊNCIA NA APRESENTAÇÃO CLÍNICA?
Resumo ID, 683
CHARLSON INDEX E PROGNÓSTICO NO IDOSO
Resumo ID, 502
CIATALGIA: UM SINTOMA TAMBÉM DA MEDICINA INTERNA
Resumo ID, 676
COLEÇÃO ABECEDADA EM SEQUELA DE TUBERCULOSE
Resumo ID, 2198
COLUMBOFILIA – A PROPÓSITO DE UM CASO CLÍNICO
Resumo ID, 425
COMPLICAÇÃO IATROGÉNICA - HEMATOMA RETROPERITONEAL
Resumo ID, 1237
COMUNICAÇÃO E PERCEPÇÃO DE RISCO - DIFERENTES MODOS DE COMUNICAR, DIFERENTES MODOS DE PARTILHAR A DECISÃO CLÍNICA
Resumo ID, 100
COMUNICAÇÃO INTER-AURICULAR SINTOMÁTICA NO ADULTO MUITO IDOSO
Resumo ID, 2297
CONHECER PARA PREVER: A PROPÓSITO DE UMA INTOXICAÇÃO COM HERBICIDA
Resumo ID, 1536
CONSULTA ABERTA – UMA OPORTUNIDADE PARA OS INTERNOS E AS INSTITUIÇÕES
Resumo ID, 1612
CORPO ESTRANHO
Resumo ID, 1694
CORTICOIDES COMO CAUSA EFEITO NO LUPUS ERITEMATOSO SISTÉMICO
Resumo ID, 1834
CRISE ADRENAL E HIPERPLASIA LINFOIDE DO ÍLEO TERMINAL: UM INCIDENTALOMA
Resumo ID, 782
CUIDADOS PALIATIVOS PEDIÁTRICOS E DOENÇA CRÔNICA NA INFÂNCIA: QUEM SÃO ESSAS CRIANÇAS?
Resumo ID, 745
DE SACO ÀS COSTAS
Resumo ID, 2415
DÉFICE DE VITAMINA B12: CAUSA OU CONSEQUÊNCIA?
Resumo ID, 426
DÉFICE SEVERO DE VITAMINA D E PSORIASE EM PLACAS
Resumo ID, 1871
DEPÓSITOS DE FERRO ENCEFÁLICOS
Resumo ID, 504
DERMATOMIOSITE E POLIOMIOSITE: A NECESSIDADE DE VALORIZAR OS PRIMEIROS SINAIS DA DOENÇA
Resumo ID, 1648
DERMATOSE NEUTROFÍLICA
Resumo ID, 1019
DERRAME ANTI NEOPLASICO
Resumo ID, 654
DERRAME MENTIROSO
Resumo ID, 451
DERRAME PLEURAL DE GRANDE VOLUME COMO FORMA DE APRESENTAÇÃO DE NEOPLASIA METASTIZADA EM DOENTE PAUCI-SINTOMÁTICO
Resumo ID, 355
DERRAME PLEURAL NUM SERVIÇO DE MEDICINA INTERNA - A PROPÓSITO DE TRÊS CASOS CLÍNICOS
Resumo ID, 160
DESAFIO DIAGNÓSTICO: DA NEOPLASIA DO CÓLON À ENDOCARDITE
Resumo ID, 969
DESCONTROLO METABÓLICO...
Resumo ID, 2180
DIFERENTES CASOS CLÍNICOS, UMA MESMA SÍNDROME
Resumo ID, 749
DISFAGIA COMO MANIFESTAÇÂO DE DOENÇA RARA
Resumo ID, 1314
DISTENSÃO ABDOMINAL POR COMPRESSÃO EXTRÍNSECA DO CÓLON
Resumo ID, 1770
DOENÇA DE BEHÇET - A PERSPICÁCIA DO INTERNISTA
Resumo ID, 2088
DOENÇA DE MCARDLE – A PROPÓSITO DE UM CASO CLÍNICO
Resumo ID, 2513
DOENÇA DE STILL DO ADULTO
Resumo ID, 1539
DOENÇA DE STILL DO ADULTO – O DESAFIO DO DIAGNÓSTICO
Resumo ID, 176
DOENÇA DE STILL DO ADULTO: RELEMBRAR O DIAGNÓSTICO
Resumo ID, 108
DOENÇA POLIQUÍSTICA RENAL: QUISTOS QUE CAUSAM INSUFICIÊNCIA RENAL
Resumo ID, 821
DOENÇA PULMONAR ´SECUNDÁRIA A CHUMBO´
Resumo ID, 695
DOENÇA RENAL POLIQUÍSTICA AD
Resumo ID, 1195
DOENÇAS PULMONARES INTERSTICIAS: A AGULHA PERDIDA NO PALHEIRO
Resumo ID, 857
DOENTE DE 58 ANOS COM LUPUS DISCOIDE, S.SJOGREN, VITILIGO COM FOTOSENSIBILIDADE, S.RAYNAUD, ESPONDILOARTROPATIA COM ENVOLVIMENTO PERIFERICO
Resumo ID, 639
DOENTE TRIADO POR SINCOPE...
Resumo ID, 1654
DOENTES COM PERTURBAÇÕES DO COMPORTAMENTO ALIMENTAR: NEM TUDO É O QUE PARECE
Resumo ID, 457
DOR CRÓNICA: OPIÓIDES E OBSTIPAÇÃO
Resumo ID, 514
DOR LOMBAR EM DOENTE COM AVC ISQUÉMICO
Resumo ID, 1709
DOR LOMBAR EM SERVIÇO DE URGÊNCIA:NÃO DESVALORIZAR!
Resumo ID, 2486
DOR TORÁCICA: APRESENTAÇÃO INICIAL DE DOENÇA SISTÉMICA
Resumo ID, 2074
DRESS – NÃO ERA O QUE PARECIA
Resumo ID, 404
DUAS FORMAS DE DERRAME PLEURAL CONCOMITANTES: EXSUDATIVO E TRANSUDATIVO
Resumo ID, 352
DUAS FORMAS DIFERENTES DE APRESENTAÇÃO DE METÁSTASES SUPRA-RENAIS NO MESMO DOENTE
Resumo ID, 354
EFEITOS ADAPTATIVOS DO ORGANISMO À AGRESSÃO CIRÚRGICA NA INFÂNCIA: RETRATO DA EVOLUÇÃO NO ADULTO
Resumo ID, 1382
EFEITOS NEUROLÓGICOS DA INTOXICAÇÃO CRÓNICA POR LÍTIO
Resumo ID, 1119
ELEFANTÍASE - UMA IMAGEM VALE MAIS QUE 500 PALAVRAS
Resumo ID, 2490
EM MEDICINA, DOIS MAIS DOIS NÃO SÃO QUATRO...
Resumo ID, 2378
EMBOLIZAÇÃO SÉPTICA SECUNDÁRIA A ENDOCARDITE INFECCIOSA
Resumo ID, 2264
ENCEFALITE: UMA ETIOLOGIA A NÃO ESQUECER
Resumo ID, 2104
ENDOCARDITE DE LIBMAN-SACKS E ACIDENTE VASCULAR CEREBRAL
Resumo ID, 1055
ENDOCARDITE INFECCIOSA A STAPHYLOCOCCUS AUREUS METICILINO SENSÍVEL - CASO CLÍNICO
Resumo ID, 2044
ENDOCARDITE INFECCIOSA E ESPONDILODISCITE A MRSA: UMA ASSOCIAÇÃO POUCO FREQUENTE
Resumo ID, 2237
ENDOCARDITE INFECIOSA E ADENOCARCINOMA GÁSTRICO
Resumo ID, 670
ENDOCARDITE SUBAGUDA COM CULTURAS NEGATIVAS
Resumo ID, 1954
ENFARTE AGUDO DO MIOCÁRDIO ASSOCIADO À BLEOMICINA: UM RISCO OBSCURO PARA UM CORAÇÃO JOVEM
Resumo ID, 294
ENTEROPATIA EXSUDATIVA E TUBERCULOSE
Resumo ID, 2440
EPIDEMIA DA TERCEIRA IDADE: O FECALOMA.
Resumo ID, 1589
ERITEMA MORBILIFORME COMO APRESENTAÇÃO TARDIA DE TOXIDERMIA AO SULFAMETOXAZOL/TRIMETROPIM
Resumo ID, 1811
ERITEMA NODOSO COMO SINAL INICIAL DE UMA DOENÇA INVULGAR
Resumo ID, 1444
ERITEMA NODOSO – SINAL DE DOENÇA SISTÉMICA
Resumo ID, 2453
ERITEMA NODOSO: UM SINAL A INVESTIGAR
Resumo ID, 1428
ERITEMOA POLIMORFO-BOLHOSO
Resumo ID, 458
ESCLERODERMIA
Resumo ID, 371
ESCLEROSE SISTEMICA SEM ESCLERODERMIA ?
Resumo ID, 1980
ESPIROQUETAS!
Resumo ID, 1004
ESPONDILODISCITE INFECCIOSA: DOIS CASOS COM BACTERIÉMIA A STAPHYLOCOCCUS AUREUS
Resumo ID, 1804
ESPONDILODISCITE: A PROPÓSITO DE UM CASO CLÍNICO
Resumo ID, 2117
ESTÔMAGO EM MELANCIA, CAUSA DE ANEMIA AGUDA EM MULHERES IDOSAS
Resumo ID, 258
ESTRANGEIRO NO SERVIÇO DE URGÊNCIA - UMA AMOSTRA
Resumo ID, 338
ESTRANHAS ÚLCERAS CUTÂNEAS
Resumo ID, 254
ESTUDO DA OBESIDADE POR SEXO NA POPULAÇAO DE ALMADA
Resumo ID, 1259
ESTUDO RETROSPETIVO DE TROMBOEMBOLISMO PULMONAR NUMA UNIDADE DE CUIDADOS INTERMÉDIOS
Resumo ID, 1946
EVOLUÇÃO DE UMA DOR ABDOMINAL
Resumo ID, 308
EXACERBAÇÃO IATROGÉNICA DE PSORÍASE
Resumo ID, 161
FARMACOTERAPIA NO SERVIÇO DE URGÊNCIA - POPULAÇÃO ESTRANGEIRA - REVISÃO DE 3 ANOS
Resumo ID, 333
FAZER O CAMINHO ATÉ AO FIM E VOLTAR AO INÍCIO
Resumo ID, 1896
FEBRE DE ORIGEM INDETERMINADA
Resumo ID, 1659
FEBRE E MORTALIDADE NUMA UNIDADE DE CUIDADOS INTENSIVOS
Resumo ID, 24
FEBRE Q AGUDA COM ENVOLVIMENTO PULMONAR E HEPÁTICO
Resumo ID, 1519
FEBRE, MÚLTIPLOS NÓDULOS E ARTRITE REUMATÓIDE: CASO CLÍNICO E DIAGNÓSTICO DIFERENCIAL
Resumo ID, 438
FEBRE: O DESAFIO DIAGNÓSTICO
Resumo ID, 2121
FEOCROMOCITOMA NA CONSULTA DE HIPERTENSAO
Resumo ID, 562
FIBRILAÇÃO AURICULAR E TROMBOEMBOLISMO
Resumo ID, 1057
FIBRILHAÇÃO AURICULAR: O QUE FAZEMOS QUANDO NÃO ANTICOAGULAMOS? CASUÍSTICA DE UM SERVIÇO DE MEDICINA
Resumo ID, 988
FIBRINÓLISE -UMA REALIDADE PERIFÉRICA...
Resumo ID, 1769
GOLPE DE CALOR – ATÉ ONDE VAI A PROBLEMÁTICA IATROGENICA
Resumo ID, 1116
GOTA TOFÁCEA CRÓNICA EM IMAGENS
Resumo ID, 1582
GUILLAIN BARRÉ & HIV: UMA COMBINAÇÃO POUCO FREQUENTE
Resumo ID, 1005
HEMATOMA ESPONTÂNEO DA PAREDE ABDOMINAL INDUZIDO PELA TOSSE
Resumo ID, 1186
HEMOCROMATOSE – UMA DIABETES NÃO TÃO BRONZEADA
Resumo ID, 155
HEMORRAGIA ALVEOLAR- UM CASO CLÍNICO
Resumo ID, 1937
HEMOTORAX BILATERAL RESIDUAL
Resumo ID, 621
HEPATITE A – ERRADICAÇÃO É UM MITO
Resumo ID, 1261
HEPATITE ALCOÓLICA AGUDA
Resumo ID, 653
HEPATITE AUTOIMUNE AGRAVADA POR AMEBÍASE
Resumo ID, 1774
HEPATITE AUTOIMUNE EM IDADE TARDIA
Resumo ID, 1534
HEPATITE POR CITOMEGALOVÍRUS EM DOENTE IMUNOCOMPETENTE
Resumo ID, 1861
HEPATOCARCINOMA MULTIFOCAL, OU, TALVEZ NÃO...
Resumo ID, 739
HEPATOMEGALIA MACIÇA – UM CASO DIFÍCIL
Resumo ID, 1846
HERPES ZOSTER COMO MANIFESTAÇÃO INICIAL DE DOENÇA LINFOPROLIFERATIVA
Resumo ID, 1347
HIDROPNEUMOTÓRAX
Resumo ID, 1547
HIDROPNEUMOTORAX APÓS PNEUMONIA – COMPLICAÇÃO DA DOENÇA OU DO TRATAMENTO?
Resumo ID, 2258
HIDROPNEUMOTÓRAX SECUNDÁRIO A TORACOCENTESE
Resumo ID, 1993
HIPERALDOSTERONISMO PRIMÁRIO SECUNDÁRIO A ADENOMA DE CONN
Resumo ID, 1840
HIPERCALCÉMIA EM DOENTE ONCOLÓGICO- A PROPÓSITO DE UM CASO CLÍNICO
Resumo ID, 557
HIPERCALCÉMIA SECUNDÁRIA A HIPERPARATIROIDISMO PRIMÁRIO
Resumo ID, 529
HIPERTENSÃO - A PONTA DO ICEBERG DE UMA DOENÇA SISTÉMICA RARA
Resumo ID, 2018
HIPERTENSÃO ARTERIAL SECUNDARIA A PRIVAÇÃO DE SONO - QUE ABORDAGEM?
Resumo ID, 687
HIPERTENSÃO: A PROPOSITO DE UM CASO CLÍNICO
Resumo ID, 1252
HIPERTIROIDISMO – UM CASO DE DOENÇA DE GRAVES NO ADULTO JOVEM
Resumo ID, 259
HIPOCALCÉMIA – A PROPÓSITO DE UM CASO CLÍNICO
Resumo ID, 2079
HIPOCALÉMIA REFRACTÁRIA
Resumo ID, 121
HIPOCALIEMIA E RABDOMIÓLISE, A PROPÓSITO DE UM CASO CLÍNICO
Resumo ID, 2125
HIPOGLICÉMIA HIPERINSULINÉMICA
Resumo ID, 1525
HIPOGLICEMIA NO SU - PRÓS E CONTRAS
Resumo ID, 2444
HIPOGLICEMIAS NO CONGRESSO NACIONAL DE MEDICINA INTERNA
Resumo ID, 1972
HIPOMAGNESEMIA E HIPOCALCEMIA SECUNDÁRIA AO CETUXIMAB
Resumo ID, 2298
HIPONATREMIA POR DIURETICOS E INTERNAMENTO HOSPITALAR : EXPERIÊNCIA DE UM HOSPITAL CENTRAL DE 2013-2014
Resumo ID, 319
HIPOS: UM DESAFIO DIAGNÓSTICO!
Resumo ID, 929
IMPORTÂNCIA DA DERMATOSCOPIA NO DIAGNÓSTICO DO “PATINHO-FEIO”
Resumo ID, 204
INCIDENTALOMA DA HIPÓFISE – A PROPÓSITO DE UM CASO CLÍNICO
Resumo ID, 1219
INCIDENTALOMA: EQUINOCOCOSE/ HIDATIDOSE HEPÁTICA E RENAL
Resumo ID, 1092
INFEÇÃO POR CITOMEGALOVÍRUS EM MULHER IMUNOCOMPETENTE
Resumo ID, 165
INFECÇAO PELO VIH - UM DESAFIO DIAGNOSTICO
Resumo ID, 1977
INFECÇÃO POR CITOMEGALOVÍRUS NO IMUNOCOMPETENTE
Resumo ID, 998
INFECÇÃO POR INFLUENZA A - H1N1 NUMA REGIÃO DE PORTUGAL, DURANTE O ANO DE 2014
Resumo ID, 2186
INFECTIONS ON RISE: RAOULTELLA ORNITHINOLYTICA, IMPLICATIONS FOR CLINICAL PRACTICE
Resumo ID, 9
INSUFICIÊNCIA CARDÍACA DESCOMPENSADA: AVALIAÇÃO DO DESEMPENHO NO ANO 2014
Resumo ID, 166
INSUFICIÊNCIA CARDÍACA DIASTÓLICA – O ENIGMA
Resumo ID, 1807
INSUFICIÊNCIA RESPIRATÓRIA AGUDA NUM DOENTE COM DOENÇA HEPÁTICA CRÓNICA
Resumo ID, 406
INSUFICIÊNCIA SUPRARRENAL PRIMÁRIA INSIDIOSA: A PROPÓSITO DE UM CASO CLÍNICO
Resumo ID, 300
INSUFICIÊNCIA TRICUSPIDE- A VALVULOPATIA ESQUECIDA
Resumo ID, 901
INSUFLADA ATÉ MAIS NÃO
Resumo ID, 941
INTERVENÇÃO NA HIPERPLASIA GENGIVAL
Resumo ID, 1136
INTOXICAÇÃO SISTÉMICA SEVERA APÓS INGESTÃO DE TRICLOPIR
Resumo ID, 1602
INUNDAÇÃO VENTRICULAR EM AVC
Resumo ID, 68
LARGADA DE BALÕES
Resumo ID, 1320
LARGADA DE BALÕES: UM PADRÃO TÍPICO NUM CASO ATÍPICO
Resumo ID, 2118
LEPTOSPIROSE-UM DIAGNÓSTICO A CONSIDERAR
Resumo ID, 2358
LESÃO CUTÂNEA COMO MANIFESTAÇÃO RARA DE TUBERCULOSE - A PROPÓSITO DE UM CASO CLÍNICO
Resumo ID, 1374
LESÃO OCUPANDO ESPAÇO DO SISTEMA NERVOSO CENTRAL: ABORDAGEM DIAGNOSTICA
Resumo ID, 1442
LESÃO ÚNICA OCUPANDO ESPAÇO INTRA-CEREBRAL
Resumo ID, 734
LESÕES CUTÂNEAS E ÚLCERAS: UM DIAGNÓSTICO A NÃO ESQUECER
Resumo ID, 636
LESÕES OCUPANTES DE ESPAÇO: QUANDO A IMAGEM DESORIENTA O DIAGNÓSTICO
Resumo ID, 939
LESÕES OSTEOLÍTICAS CRANIANAS DE DOENTE COM MIELOMA MÚLTIPLO
Resumo ID, 2277
LEUCÉMIA DE CÉLULAS T MADURAS AGUDA: UMA CAUSA RARA DE PANCITOPÉNIA NO DOENTE IDOSO
Resumo ID, 143
LINFADENOPATIAS… SEMPRE UM DESAFIO
Resumo ID, 1271
LINFANGITE AGUDA COM LINFADENITE
Resumo ID, 1333
LINFOMA DE HODGKIN CLÁSSICO
Resumo ID, 2188
LINFOMA HODGKIN ESCLEROSE NODULAR - A PROPÓSITO DE UM CASO CLÍNICO
Resumo ID, 2469
LISTEN TO YOUR PATIENT, THEY ARE TELLING YOU THE DIAGNOSIS
Resumo ID, 768
LOMBALGIA - SINTOMA FREQUENTE QUE MASCARA UMA PATOLOGIA MAIS GRAVE
Resumo ID, 1503
LÚPUS ERITEMATOSO SISTÉMICO GRAVE, MANIFESTAÇÕES E TERAPÊUTICA – CASO CLÍNICO
Resumo ID, 608
MAIOR DURAÇÃO DE HIPOCOAGULAÇÃO – MAIS EVENTOS HEMORRÁGICOS?
Resumo ID, 1901
MAIS DO QUE SIMPLES PARESTESIAS…
Resumo ID, 1250
MANIFESTAÇÃO HEPÁTICA DA SARCOIDOSE
Resumo ID, 232
MASSA CARDÍACA
Resumo ID, 11
MASSA MEDIASTÍNICA
Resumo ID, 1033
MASSA MEDIASTINICA EM ADULTO JOVEM
Resumo ID, 1067
MENINGITE CRIPTOCÓCICA E TUBERCULOSE DISSEMINADA EM DOENTE SEROPOSITIVA - DESCRIÇÃO DE UM CASO
Resumo ID, 545
MENINGO-ENCEFALITE A HERPES-ZOSTER
Resumo ID, 1241
METÁSTASE CUTÂNEA_ FORMA RARA DE APRESENTAÇÃO DE ADENOCARCINOMA DO PULMÃO
Resumo ID, 1346
METÁSTASES ÓSSEAS COMO FORMA INICIAL DE APRESENTAÇÃO DE CARCINOMA COLORRECTAL
Resumo ID, 2103
METÁSTASES ÓSSEAS DE ORIGEM (DES)CONHECIDA
Resumo ID, 1159
METASTIZAÇÃO DE TECIDOS MOLES
Resumo ID, 1335
METASTIZAÇÃO MEDULAR DE NEOPLASIA PULMÃO
Resumo ID, 477
METASTIZAÇÃO PULMONAR
Resumo ID, 2373
METOTREXATO: OS DOIS LADOS DA MEDALHA
Resumo ID, 140
MIELOMA MÚLTIPLO - SINTOMATOLOGIA VAGA?
Resumo ID, 655
MIELOMA MÚLTIPLO DE CADEIAS LEVES- A PROPÓSITO DE UM CASO CLÍNICO
Resumo ID, 2294
MIELOMA MÚLTIPLO OSTEOSCLERÓTICO
Resumo ID, 418
MIELOMA MÚLTIPLO: CALOTE CRANIANA EM ´SAL E PIMENTA´
Resumo ID, 791
MIELOMA MÚLTIPLO: ´A PEPPER POT SKULL´
Resumo ID, 2435
MIOCARDIOPATIA DE TAKOTSUBO
Resumo ID, 1515
MIOCARDIOPATIA DE TAKOTSUBO
Resumo ID, 2106
MIOCARDIOPATIA HIPOCALCÉMICA - UMA APRESENTAÇÃO RARA DE MIOCARDIOPATIA
Resumo ID, 733
MIOPATIA DOS CUIDADOS INTENSIVOS
Resumo ID, 110
MIOPERICARDITE: NEM SEMPRE UMA EVOLUÇÃO FAVORÁVEL
Resumo ID, 1387
MONOPARÉSIA E ANTICOAGULAÇÃO - UM CASO CLÍNICO
Resumo ID, 891
MORTALIDADE NO INTERNAMENTO: A REALIDADE DA MEDICINA INTERNA
Resumo ID, 59
MORTE PROGRAMADA...
Resumo ID, 1063
NA PISTA DA EOSINOFILIA...
Resumo ID, 2406
NÃO ESQUECER O ESTÔMAGO NO IDOSO...
Resumo ID, 1093
NECROSE AVASCULAR DA CABEÇA DO FÊMUR EM DOENTE COM ARTERITE TEMPORAL.
Resumo ID, 794
NEM TUDO É DA IDADE: ARTRITE PSORIÁTICA
Resumo ID, 1291
NEM TUDO O QUE É CAVITADO É TUBERCULOSE
Resumo ID, 57
NEOPLASIA COLORECTAL PRECOCE NA COLITE ULCEROSA
Resumo ID, 685
NEOPLASIA MALIGNA: AVC COMO FORMA DE APRESENTAÇÃO
Resumo ID, 2137
NEOPLASIAS SÍNCRONAS: A PROPÓSITO DE DOIS CASOS CLÍNICOS
Resumo ID, 2025
NEURODEGENERATION WITH BRAIN IRON ACCUMULATION (NBIA)
Resumo ID, 145
NÓDULO DA MAMA – UMA ORIGEM MENOS PROVÁVEL
Resumo ID, 1752
NÓDULOS PULMONARES MÚLTIPLOS COMO FORMA DE APRESENTAÇÃO DE CARCINOMA HEPATOCELULAR
Resumo ID, 1914
NOS LIMITES DA COMPENSAÇÃO
Resumo ID, 1183
O DIAGNÓSTICO DA ANEMIA PERNICIOSA
Resumo ID, 2164
O ESTADO NUTRICIONAL DO DOENTE IDOSO INTERNADO
Resumo ID, 776
O PACEMAKER E A PRÓTESE VALVULAR NA ENDOCARDITE - UM CASO CADA VEZ MAIS FREQUENTE
Resumo ID, 708
O QUE ESTÁ PARA ALÉM DA INSUFICIÊNCIA CARDÍACA
Resumo ID, 944
O RX NÃO ENGANA…
Resumo ID, 2210
O SYNDROME DRESS
Resumo ID, 1513
OBSTIPAÇÃO NO IDOSO – UM DIAGNÓSTICO DIFÍCIL… OU TALVEZ NÃO!
Resumo ID, 1163
OCLUSÃO INTESTINAL – MÉDICO OU CIRÚRGICO?
Resumo ID, 1258
ONZE MILÍMETROS ATÉ AO CÉREBRO
Resumo ID, 1572
OPIÓIDES NO IDOSO
Resumo ID, 95
OS NOVOS ANTICOAGULANTES ORAIS (NACO´S) NO TRATAMENTO DO SÍNDROME DOS ANTICORPOS ANTIFOSFOLIPIDICOS (SAAF): REALIDADE A MÉDIO PRAZO OU FICÇÃO ETERNA? - A PROPÓSITO DE 2 CASOS CLÍNICOS
Resumo ID, 93
OS PERIGOS DA ANTICOAGULAÇÃO ORAL
Resumo ID, 2514
OSSO DA GALINHA
Resumo ID, 150
OSTEOMIELITE - CASO CLINICO
Resumo ID, 321
OTORRAGIA – NEM SEMPRE UMA OTITE MÉDIA AGUDA
Resumo ID, 242
OUTRA CAUSA DE DOR ABDOMINAL RECORRENTE
Resumo ID, 49
PADRÃO MILIAR DIFUSO DE ETIOLOGIA DESCONHECIDA
Resumo ID, 2288
PALPITAÇÕES OCASIONAIS … E APÓS REFEIÇÕES
Resumo ID, 775
PANCREATITE AGUDA – CASUÍSTICA DA UNIDADE DE CUIDADOS INTENSIVOS
Resumo ID, 1941
PANICULITE: UMA MANIFESTAÇÃO DE POLIARTERITE NODOSA
Resumo ID, 298
PARECIA PNEUMONIA MAS AFINAL TRATAVA-SE DE TUBERCULOSE PLEURAL!
Resumo ID, 1998
PARESTESIAS COMO FORMA DE APRESENTAÇÃO DE UMA SARCOIDOSE
Resumo ID, 1660
PENFIGÓIDE BOLHOSO
Resumo ID, 1133
PERICARDITE AGUDA IDIOPÁTICA – A PROPÓSITO DE UM CASO CLÍNICO
Resumo ID, 152
PIELONEFRITE… PERSPECTIVA DA MICROBIOLOGIA VS. RADIOLOGIA
Resumo ID, 701
PIODERMA GANGRENOSO, A HISTÓRIA DE UMA DERMATOSE NEUTROFÍLICA
Resumo ID, 2418
PLASMODIUM OVALE DA DOENÇA AO AGENTE
Resumo ID, 35
PNEUMATOCELO
Resumo ID, 923
PNEUMONIA ADQUIRIDA NA COMUNIDADE - A EVIDÊNCIA RADIOLÓGICA SIMPLES
Resumo ID, 141
PNEUMONIA ASSOCIADA A HÉRNIA DO HIATO GIGANTE
Resumo ID, 2530
PNEUMONIA CRIPTOGÉNICA ORGANIZANTE E INFECÇÃO POR VÍRUS DA IMUNODEFICIÊNCIA HUMANA
Resumo ID, 351
PNEUMONIA DO LOBO MÉDIO
Resumo ID, 1620
PNEUMONIA DO LOBO SUPERIOR DA IMAGEM AO DIAGNOSTICO
Resumo ID, 74
PNEUMONIA EOSINOFÍLICA CRÓNICA - UM CASO CLINICO
Resumo ID, 780
PNEUMONIA NECROTIZANTE POR INFLUENZA E STAPHYLOCOCCUS AUREUS COMPLICADA COM PNEUMONIA ASSOCIADA AO VENTILADOR: CASO CLÍNICO
Resumo ID, 1747
PNEUMONIA POR VÍRUS HERPES SIMPLEX TIPO 1
Resumo ID, 2497
PNEUMONITE DE HIPERSENSIBILIDADE - EVOLUÇÃO CLÍNICA E MARCHA DIAGNÓSTICA
Resumo ID, 1795
PNEUMOTÓRAX ESPONTÂNEO COMO FORMA DE APRESENTAÇÃO DE TUBERCULOSE MILIAR.
Resumo ID, 755
PREFERÊNCIAS DE DOENTES PARA TRATAMENTOS DA DIABETES MELLITUS TIPO 2 (DMT2) EM ESPANHA E PORTUGAL: DISPONIBILIDADE PARA PAGAR COM VISTA A OBTER BENEFÍCIOS DE SAÚDE E EVITAR OS EFEITOS SECUNDÁRIOS.
Resumo ID, 53
PROSTATITE A PSEUDOMONAS AERUGINOSA COMPLICADA DE UROSÉPSIS: UM CASO CLÍNICO
Resumo ID, 1893
PSEUDO-SINAIS DE TROISIER E DE LESER-TRELAT
Resumo ID, 239
PULMÃO BRANCO: AGRAVAMENTO RADIOLÓGICO DE UM EMPIEMA
Resumo ID, 732
PULMÃO EM LARGADA DE BALÕES
Resumo ID, 187
PULMÃO ENCARCERADO COMO COMPLICAÇÃO DE DERRAME PLEURAL PARANEOPLÁSICO RECIDIVANTE
Resumo ID, 533
PULMÃO GIGANTE
Resumo ID, 1763
PÚRPURA DE HENOCH-SCHONLEIN NO ADULTO - UM DESAFIO DIAGNÓSTICO E TERAPÊUTICO
Resumo ID, 1856
QUALIDADE DE VIDA RELACIONADA COM A SAÚDE EM MULHERES SUBMETIDAS A HISTEROSCOPIA
Resumo ID, 2437
QUANDO A BIÓPSIA NÃO DÁ O DIAGNÓSTICO FINAL
Resumo ID, 1325
QUANDO A DOR SUBCOSTAL É MANIFESTAÇÃO DE NEOPLASIA DO PULMÃO: A PROPÓSITO DE UM CASO CLÍNICO
Resumo ID, 1208
QUANDO A ESMOLA É GRANDE O POBRE DESCONFIA
Resumo ID, 1468
QUANDO AS IMAGENS NOS ILUDEM!
Resumo ID, 1899
QUANDO DO RELATIVAMENTE RARO SE CHEGA AO RELATIVAMENTE COMUM
Resumo ID, 1323
QUANDO O ANTIGO AINDA É O MAIS FIDEDIGNO…!
Resumo ID, 522
QUANDO O HIPOTIROIDISMO SE TORNA FATAL
Resumo ID, 1253
QUANDO O OLHAR NÃO DIZ TUDO
Resumo ID, 964
QUANDO UM TUMOR NÃO ESTÁ SÓ ...
Resumo ID, 2007
QUEM PROCURA… NEM SEMPRE ENCONTRA – A PROPÓSITO DE UM CASO CLÍNICO
Resumo ID, 1464
RADIOGRAFIA DE TÓRAX: NÃO É SÓ PULMÃO!
Resumo ID, 2394
RASTREIO DO CANCRO DO PULMÃO – UMA UTOPIA?
Resumo ID, 1234
RESISTÊNCIA A ANTIBIOTERAPIA COM QUINOLONAS
Resumo ID, 668
RETENÇÃO URINÁRIA AGUDA
Resumo ID, 334
ROSÉOLA SIFILÍTICA
Resumo ID, 123
SACO DE ÁGUA
Resumo ID, 1307
SARCOIDOSE – ESPERAR PODE SER O MELHOR REMÉDIO?
Resumo ID, 1755
SARCOMA DA VEIA CAVA
Resumo ID, 526
SARCOMA DE KAPOSI – EM DOENTE CAUCASÓIDE E IMUNOCOMPETENTE
Resumo ID, 197
SERÁ MESMO METASTIZAÇÃO?
Resumo ID, 1220
SERÁ UMA TÉNIA?
Resumo ID, 1421
SINAL DE CHILAIDITI
Resumo ID, 1025
SINAL DE CHILAIDITI
Resumo ID, 1419
SÍNCOPE NA APRESENTAÇÃO DE TROMBOSE DA VEIA JUGULAR
Resumo ID, 924
SÍNDROMA DE CHILAIDITI
Resumo ID, 569
SÍNDROMA DO ANTICORPO ANTIFOSFOLIPÍDEO - APRESENTAÇÃO COM TROMBOSE INTRA-CARDÍACA E TROMBOEMBOLISMO PULMONAR SIMULTÂNEOS
Resumo ID, 1987
SINDROME CORONÁRIO AGUDO! AFINAL NÃO…
Resumo ID, 841
SINDROME DA URINA PURPURA
Resumo ID, 1407
SÍNDROME DE CEREBRAL SALT WASTING: UMA CAUSA RARA DE HIPONATREMIA
Resumo ID, 19
SÍNDROME DE DRESS SECUNDÁRIO A CARBAMAZEPINA – A PROPÓSITO DE UM CASO CLÍNICO
Resumo ID, 107
SÍNDROME DE DRESS: A PROPÓSITO DE UM CASO CLÍNICO
Resumo ID, 274
SÍNDROME DE LERICHE – CASO CLÍNICO
Resumo ID, 386
SÍNDROME DE LOFGREN UM CASO DE SARCOIDOSE AGUDA
Resumo ID, 1844
SÍNDROME DE LÖFFLER E LÚPUS ERITEMATOSO SISTÉMICO – UMA ASSOCIAÇÃO POUCO PROVÁVEL
Resumo ID, 297
SÍNDROME DE SWEET IDIOPÁTICO: A PROPÓSITO DE UM CASO CLÍNICO.
Resumo ID, 573
SÍNDROME DE TROUSSEAU E ENDOCARDITE NÃO INFECCIOSA – O EMBOLISMO LEVADO AO EXTREMO – CASO CLÍNICO
Resumo ID, 348
SÍNDROME DE WEIL, A MANIFESTAÇÃO RARA DA INFECÇÃO POR LEPTOSPIRA
Resumo ID, 1684
SÍNDROME DE WELLENS: UM PADRÃO A RELEMBRAR
Resumo ID, 1101
SÍNDROME DEMENCIAL NUMA ENFERMARIA DE MEDICINA
Resumo ID, 2371
SÍNDROME FEBRIL DE ORIGEM INDETERMINADA E ENDOCARDITE - OBVIAMENTE INFECIOSA?
Resumo ID, 1554
SÍNDROME FEBRIL … ATÉ QUE DEIXA DE SER INDETERMINADO !
Resumo ID, 448
SÍNDROME GUILLAIN-BARRE – PROLONGAMENTO DA TERAPÊUTICA
Resumo ID, 604
SÍNDROME MALIGNA DOS NEUROLÉPTICOS - CARACTERIZAÇÃO DE UMA POPULAÇÃO
Resumo ID, 887
SINDROME NEFRÓTICO - A PROPÓSITO DE UM CASO CLÍNICO
Resumo ID, 932
SÍNDROME POLIGLANDULAR AUTOIMUNE – UMA EVIDÊNCIA PARA A VIGILÂNCIA CLÍNICA
Resumo ID, 1426
SURTO DE LEGIONELLA: FACTORES DE RISCO E COMPLICAÇÕES
Resumo ID, 973
TAMPONAMENTO CARDÍACO EM DERRAME PERICÁRDICO POR ESTAFILOCOCUS AUREUS
Resumo ID, 2017
TAQUIARRITMIA: FORMA DE APRESENTAÇÃO DE ABCESSO HEPÁTICO?
Resumo ID, 10
TECIDO LINFÓIDE OU TUMOR SÓLIDO?
Resumo ID, 1857
TERATOMA OVÁRICO
Resumo ID, 942
TOFOS GOTOSOS
Resumo ID, 543
TÓRAX EM LARGADA DE BALÕES E UM TIPO DIFERENTE DE NEOPLASIA DO PULMÃO
Resumo ID, 612
TOSSE ARRASTADA: A PRIMEIRA MANIFESTAÇÃO DE LINFOMA DE HODGKIN
Resumo ID, 194
TROMBO AÓRTICO E DO VENTRÍCULO DIREITO COMO APRESENTAÇÃO DE SÍNDROME ANTIFOSFOLIPÍDICO
Resumo ID, 905
TROMBOCITOSE ESSENCIAL
Resumo ID, 2391
TROMBOCITOSE IDIOPÁTICA
Resumo ID, 1066
TROMBOEMBOLISMO PULMONAR BILATERAL UM DIAGNÓSTICO ÓBVIO
Resumo ID, 390
TROMBOEMBOLISMO PULMONAR E INSTABILIDADE HEMODINÂMICA – UM CASO CLÍNICO
Resumo ID, 2267
TROMBOEMBOLISMO PULMONAR EM DOENTE COM CATETER TOTALMENTE IMPLANTADO
Resumo ID, 528
TROMBOEMBOLISMO PULMONAR SECUNDÁRIO A NEOPLASIA MALIGNA
Resumo ID, 595
TROMBÓLISE EM DOENTES ANTICOAGULADOS: CARACTERIZAÇÃO DA POPULAÇÃO NUM HOSPITAL DISTRITAL.
Resumo ID, 90
TROMBOSE VENOSA SUBCLÁVIA E JUGULAR INTERNA POR DÉFICE DE PROTEÍNA S
Resumo ID, 519
TUBERCULOSE GANGLIONAR: A PROPÓSITO DE DOIS CASOS
Resumo ID, 1707
TUBERCULOSE MILIAR: UM DIAGNÓSTICO SECUNDÁRIO
Resumo ID, 900
TUBERCULOSE NA AMADORA - NÚMEROS DE OUTRO MUNDO
Resumo ID, 1892
TUBERCULOSE PLEURAL: A DIFICULDADE DE DIAGNÓSTICO DEFINITIVO
Resumo ID, 71
TUMOR EVANESCENTE EM DOENTE COM STEMI KILLIP II.
Resumo ID, 79
TUMOR OU INVASOR
Resumo ID, 948
TUMOR PRIMÁRIO OCULTO - A DIFICULDADE DE OBTER UM DIAGNÓSTICO ...
Resumo ID, 2465
ÚLCERA DE PRESSÃO PROFUNDA DO SACRO
Resumo ID, 2269
UM ACHADO INCOMUM...
Resumo ID, 163
UM AGENTE IMPROVÁVEL
Resumo ID, 2240
UM CASO CLÍNICO DE ANEURISMA DISSECANTE DA AORTA
Resumo ID, 1502
UM CASO DE ANEMIA MEGALOBLÁSTICA EXTREMO E MULTIFACTORIAL
Resumo ID, 1068
UM CASO DE ASCITE QUE FICOU POR ESCLARECER.
Resumo ID, 706
UM CASO DE FEBRE DE ORIGEM INDETERMINADA - ARTERITE DE CÉLULAS GIGANTES
Resumo ID, 1341
UM CASO DE LIVRO
Resumo ID, 445
UM CASO DE MALÁRIA SEVERA POR PLASMODIUM FALCIPARUM
Resumo ID, 41
UM CASO DE MASSA DORSAL
Resumo ID, 2069
UM CASO DE MIELOMA MÚLTIPLO RAPIDAMENTE PROGRESSIVO
Resumo ID, 394
UM CASO DE POLIARTRALGIAS E INFILTRADOS PULMONARES BILATERAIS
Resumo ID, 467
UM CASO DE POLICITEMIA VERA. A PROPÓSITO DE UM CASO CLÍNICO
Resumo ID, 2216
UM CASO DE SÍNDROME ANTIFOSFOLIPÍDICO
Resumo ID, 1761
UM CASO DE ´PNEUMONIA´
Resumo ID, 1782
UM CASO DO CORPO ESTRANHO NO ESTÔMAGO
Resumo ID, 30
UM CASO INCOMUM DE VASCULITE
Resumo ID, 1496
UM CASO RARO DE ENDOCARDITE BACTERIANA
Resumo ID, 2483
UM DRAMÁTICO PULMÃO BRANCO
Resumo ID, 217
UMA APRESENTAÇÃO ATÍPICA DE ESPONDILODISCITE
Resumo ID, 1160
UMA APRESENTAÇÃO INVULGAR DE LINFOMA DE HODGKIN
Resumo ID, 1504
UMA CAUSA RARA DE ABCESSO HEPÁTICO
Resumo ID, 1549
UMA CAUSA RARA DE HEMOPTISES NO IDOSO: BRONQUIECTASIAS SECUNDÁRIAS A SARAMPO
Resumo ID, 1231
UMA CAUSA RARA PARA DOR NO MEMBRO SUPERIOR
Resumo ID, 2019
UMA DOR DIFERENTE
Resumo ID, 2347
UMA FERIDA QUE “NÃO CICATRIZAVA”…
Resumo ID, 1174
UMA FORMA BIZARRA DE DIPLOPIA
Resumo ID, 1497
UMA HEPATOPATIA MULTIFACTORIAL
Resumo ID, 1717
UMA PATOLOGIA ANTIGA NUMA SENHORA IDOSA
Resumo ID, 1499
UMA SIMPLES DOR NA PERNA
Resumo ID, 2422
UMAS “CÉLULAS” HIPERPIGMENTADAS
Resumo ID, 129
VASCULITE DE PEQUENOS VASOS? A ESPERA…
Resumo ID, 190
VASCULITE INFECCIOSA
Resumo ID, 102
VASCULITE LEUCOCITOCLÁSTICA
Resumo ID, 2105
VASCULITE LÚPICA CEREBRAL - ACERCA DE UM CASO CLÍNICO
Resumo ID, 36
VASCULITE REUMATÓIDE – DA CLÍNICA AO DIAGNÓSTICO
Resumo ID, 367
VASCULITE URTICARIFORME NORMOCOMPLEMENTÉMICA
Resumo ID, 2274
“SOBRE” INFECÇÕES
Resumo ID, 1890
“VENTILAÇÃO COM PRESSÃO POSITIVA – IATROGENIA”
Resumo ID, 2187
´ACORDEI E NÃO CONSEGUIA RESPIRAR´
Resumo ID, 2315
´ESÓFAGO TRICOLOR´ - UM CASO DE SÍNDROMA DE REYNOLDS
Resumo ID, 1211
2014 Sociedade Portuguesa de Medicina Interna. Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento: b-online.pt